Deixe ir : prefira alguns meses de coração partido a uma vida inteira de decepções




“Deixe que vá quem fica por comodismo, quem fica como peso, como bagagem inútil, quem só recebe e nada devolve, quem não nos percebe, não nos enxerga, não nos espera pra nada, por nada. Mande embora de sua vida quem encostou feito gelo, quem suga, quem mente, quem pratica o tanto faz.”

Talvez um dos maiores entraves que nos emperrem o seguimento de nossa jornada venha a ser o medo de sofrer. Tememos enfrentar muitas dores, porque achamos que não conseguiremos suportá-las e, por essa razão, muitas vezes acabamos trazendo um sofrimento ainda maior para nossas vidas, mantendo conosco o que não nos ajuda a sermos felizes; muito pelo contrário.
Dentre os sofrimentos que evitamos, encontra-se o medo de nos separarmos do parceiro, que nem mais parceiro é, que nem mais nos ama, nos pede, nos chama para si. Protelamos, assim, um rompimento que já se tornou urgente e necessário, evitando tomar a atitude certa, a única atitude, aliás, possível e coerente naquele momento, uma vez que a manutenção desse alguém conosco está acabando com nossa vitalidade, com nossa razão de sorrir, com nosso potencial em amar com reciprocidade.


Por mais que o outro nos ignore, nos esqueça, nos torne invisíveis, muitas vezes acabamos tolerando além da conta, ainda que se extenuem nossas forças, mesmo que avisemos e avisemos de novo. Porque a gente acreditou tanto, a gente investiu tudo o que tinha, a gente se doou e se entregou de forma transparente e por inteiro, a gente quer dar certo no amor, ou seja, aceitar a falência daquilo que tomou tanto da gente dói demais.
E, assim, vamos mantendo em nossas vidas exatamente quem deveria ficar bem longe, quem já teve a chance de fazer parte de nós e não fez a menor questão de se doar, de compartilhar, de ser junto, quem nos vê somente como provedores de algum conforto, de alguma coisa de que ele precise, de tudo o que não implique troca e sentimento humano. E, assim, vamos aumentando nossa dose diária de dor e de sofrimento, exatamente porque pensamos estar evitando a dor da separação.
É preciso deixar ir. Deixe que vá quem fica por comodismo, quem fica como peso, como bagagem inútil, quem só recebe e nada devolve, quem não nos percebe, não nos enxerga, não nos espera pra nada, por nada. Mande embora de sua vida quem encostou feito gelo, quem suga, quem mente, quem pratica o tanto faz. O sofrimento por quem vai embora é dolorido, mas libertador. Prefira a dor do rompimento que aos poucos acalma a um sofrer diário por medo de sofrer. Dor sem fim ninguém merece, muito menos você.
Marcel Camargo

Comentários

  1. Estou vivendo exatamente isso. Dói muito mesmo.
    Mas decidi me libertar.
    Deus está comigo e com minhas filhas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Queria ter essa coragem... tbm

      Excluir
    2. Tenha forças...vai passar e enquanto isso foca em pensamentos positivos e faça a leitura do livro "Tempo de esperas" do Pé. Fábio; passei por isso, meu lutou se arrastou por dois anos, mas superei...

      Excluir
  2. Parabéns ao autor...muito legal e interessante...sábias palavras.

    ResponderExcluir
  3. Qria muito fazer isso e mais .
    Qria volta a viver sorrir e amar e confiar de Novo.

    ResponderExcluir
  4. Tô passando por isso mais vou superar,Deus está comigo e com minha pequena filha! Dias melhores virão!

    ResponderExcluir
  5. É um processo que pouco vamos conseguir. Ninguém merece mendiga alguém que não está nem aí para nós.

    ResponderExcluir
  6. Estou passando por isso,mas o sofrimento é muito grande,espero que um dia eu consiga superar mas está difícil!

    ResponderExcluir
  7. Também passei por isso, 11 anos de relacionamento, mas tomei coragem e o mandei embora. Não tivemos filhos o que facilitou um pouco, em contra partida tive câncer e passei por tudo sozinha. Temos que tirar forças de onde não temos e encarar o fracasso do relacionamento. É simplesmente libertador...

    ResponderExcluir
  8. Passei por tudo isso é mas um pouco. Tive um relacionamento de quase dois anos tive uma filha linda. Mas a pior notícia foi quando estava grávida que fiz meus exames e descobri que ele me passou HIV, fiquei sem chão mas mesmo assim tentei viver com ele, percebi que só estava comigo por comodismo não se interessava por nada até que um dia decidir me libertar hj faz 1 mês q me separei. Ele ao dar nada a filha. Irei colocar na justiça. Porque dinheiro pra curtir o Carnaval ele teve mas pra ajudar não. Muito triste...

    ResponderExcluir
  9. Passei por isso também. A dor maior é porque eu tinha a pessoa como referência de mulher, como um ideal. Por isso mesmo me anulei por quinze anos, por amar. Embora o fato de termos uma filha, vi nos seus atos, nas suas cobranças, o nosso amor morrer a cada dia. Hoje cada um tem a sua vida, mas vejo sempre a pessoa. Daí dói ver que com a nova companhia dela, tudo o que se privava de fazer comigo, que não gostava de fazer na minha companhia, faz com prazer expresso com o novo companheiro.
    Daí eu percebo que não faço falta na vida dela e assim, não entendo porque eu sofro...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por mais dificil q seja vc tem q erguer sua cabeça ve seguir em frente.Comece se amar mais e se dar valor,um dia vc ira encontrar uma pessoa q te ame na mesma proporção.Qndo precisa mendigar amor a outra pessoa o melhor é estar longe.

      Excluir
  10. Estou passando por isso, me separei há duas semanas, está sendo muito difícil, ainda mais que tenho duas crianças.

    ResponderExcluir
  11. Eu tive coragem e terminei com uma relação assim, me sugava todos os dias, tirava minhas forças eu sempre estava triste e com medo de terminar, me anulei, agora não está sendo fácil recomeçar, mas estou recuperando tudo aos poucos e vou ser feliz

    ResponderExcluir
  12. Eu resolvi deixar i, depois de mais uma mentira ,resolvi comprar uma passagem e vou voltar pra minha cidade. E deixar quem não sabe me da valor.

    ResponderExcluir
  13. Estou passando exatamente por isso! Gente, como dói.. meu Deus, como é difícil tomar a decisão de se libertar, como é apavorante ter que dizer chega... Por mais que você sofra na relação, a impressão que da é que a dor da "perda" vai ser maior ainda, e você fica ali, sempre dando mais uma chance, sempre acreditando que vai haver uma mudança, mas não... Não vai!
    Ainda não tive a coragem de por o ponto final, mais eu sinto que eu estou a beira de um precipício, e que eu vou voar (liberdade) ou cair (ceder mais uma vez), a qualquer momento.
    Minha relação já dura 4 anos, não temos filhos (não de nós dois, pq ele tem uma filhinha), ele é machista e intolerante, me afastou das minhas amizades, e sempre que tem oportunidade me reprime (ontem fui obrigada a ouvir que estou gorda e que meu cabelo está uma bosta depois que cortei. P.S.: peso 65kg, tenho 1,66cm de altura, e estou em transição capilar). Eu já sei oque devo fazer, e sei que vou fazer, só não tive força e coragem ainda...
    #desabafo

    ResponderExcluir
  14. Não há mal que sempre dure nem bem que nunca acabe...
    As pessoas tem que vir para somar... O relcionamento é algo bilateral, não há como amar por dois... Prefiro sofrer, chorar e me recuperar em alguns meses do que ter uma vida infeliz ao lado de gente egoista...

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Frases da Conquista

Frases da Conquista
Aprenda a Conquistar Qualquer Homem com Apenas Algumas Simples Frases!

CASAMENTO DE SUCESSO

Postagens mais visitadas deste blog

Deus só tira algo de nós se for para dar algo melhor ainda

Amor de verdade a gente conserta, não joga fora.

Diferenças entre GOSTAR, ESTAR APAIXONADO e AMAR