Ciência confirma o melhor meio para evitar o divórcio




Um estudo realizado pela Universidade de Virginia confirma: os casais que dedicam um tempo a ter um “encontro a sós”, mesmo que seja apenas uma vez por semana, reduzem em 50% as chances de chegar a um divórcio.



Os dados foram coletados nos Estados Unidos: 1.600 casais de 18 a 55 anos, entre 2010 e 2011, combinados com entrevistas a 10.000 adultos, entre 1987 e 1994.
A principal pergunta do estudo era: “A cada quanto tempo você passa algum tempo sozinho com seu parceiro(a), conversando ou compartilhando alguma atividade?”.

As palavras-chaves são “sozinho com seu parceiro(a)” (não foram contabilizadas as atividades com amigos, parentes, nem com os filhos) e “compartilhando”. W. Brad Wilcox, coautor do estudo, insiste em que não é preciso sair a jantares caros nem fazer uma viagem… “Se a pessoa estiver concentrada no cônjuge, assim como se concentra em seus filhos, no trabalho ou no celular, já é válido. Trata-se de conversar face a face. Basta, por exemplo, jogar alguma coisa juntos, sozinhos, depois que as crianças forem dormir.”

Alguns sites de compras coletivas dos EUA, como o LivingSocial, afirmam que “é difícil incentivar o esposo a jugar Monopoly quando ele está cansado do trabalho ou já acomodado em casa; ele acabará dormindo”. Por isso, segundo eles, é melhor “sair”, marcar um encontro com antecedência. Por isso, oferecem descontos em jantares, pequenas viagens etc.

Mas quem os casais que não podem gastar dinheiro com saídas ainda têm muitas opções: deixar os filhos uma vez por semana com os avós e aproveitar o tempo para jantar juntos, ver algum filme, sair para caminhar, namorar etc.
O estudo afirma que as atividades originais e novas costumam unir mais os casais. Então… criatividade!

Também foi demonstrado que quanto mais tempo de qualidade se compartilha, menos risco de divórcio vai haver. Os que mantêm um encontro semanal têm um índice de 15% de divórcio. Parece muito, mas os que não se encontram com essa regularidade têm um índice de 25%.
Depois de analisar o “poder protetor” dos encontros a sós com o cônjuge, os sociólogos chegaram às seguintes conclusões sobre tais encontros:

1. Melhoram a comunicação
Ao poder conversar sem a distração dos filhos e do trabalho, o encontro permite falar sobre coisas que interessam e motivam o casal: seus sonhos, aspirações, temores etc. Ao conversar sobre suas aspirações, podem buscar objetivos comuns; ao falar sobre seus problemas, podem procurar fazer isso de forma construtiva e tranquila, proativa, ao invés de reagir por instinto e com pressa, cercados de crianças.



2. Ajudam a curtir a novidade
Os casais com vários anos de relacionamento tendem a “acomodar-se” e a perder a emoção. Os estudos demonstram que fazer coisas novas juntos (dançar, ver o pôr-do-sol, fazer uma trilha, montar a cavalo etc.) destrói a rotina e une o casal em um desafio compartilhado, divertido e emocionante.

3. Melhoram a relação romântica e sexual
Os encontros incentivam a criatividade e a emoção, e, ao permitir o diálogo, podem ajudar também neste campo, renovando as formas de carinho, novos ambientes etc. Tudo isso fortalece o casamento.

4. Favorecem o compromisso
Se há pelo menos um dia da semana comprometido ao “encontro a sós”, fica claro que se marca uma prioridade. Os filhos já se acostumam a ficar com os avós, os amigos já sabem que nesse período o casal não estará disponível… Tudo reforça a sensação de unidade e a importância de trabalhar por ela. Fica claro que, para cada cônjuge, o outro é uma prioridade.

5. Aliviam o estresse
Sair para divertir-se em casal, ou simplesmente relaxar juntos, diminui o estresse, e isso é bom para o casamento, sempre ameaçado por doenças, problemas financeiros, conflitos no trabalho etc. Permite ver o outro sem o peso da irritabilidade, do cansaço ou do estresse, e isso ajuda a manter o amor conjugal.


via: Aleteia

Comentários

CASAMENTO DE SUCESSO

Reconquista Perfeita

Reconquista Perfeita
Este GUIA pode ajudar à RECONQUISTAR o EX de uma mulher.

Frases da Conquista

Postagens mais visitadas deste blog

Valdemiro Santiago comemora morte de Marcelo Rezende na TV

Ana Paula Valadão profetiza, ao som de tambores, o fim da Igreja Católica

Geraldo Luis vai ao velório de Marcelo Rezende e faz desabafo emocionante. Clique e veja!